Dicas domésticas

Jardinagem

 

AMARRAÇÃO A ESTACAS (TUTORES) – Quando amarrar plantas em estacas jamais utilize cordinhas de plástico, arames ou fios elétricos. Use barbante, fio de sisal ou tirinhas de tecido. As plantas crescem, e os materiais duros agridem caule e galhos.

Você também pode utilizar outra planta de caule mais forte para servir como tutora de uma plantinha mais frágil.

Como tutores, prefira sempre a madeira. Não use canos de ferro, alumínio ou plástico. Cabos de vassoura velhos são ótimos para serem usados como tutores, e ainda servirão para testar a sua terra. Se você tiver cupins no terreno, eles serão atraídos pela madeira e você logo saberá. As empresas que descupinizam terrenos, enterram estacas de madeira de caixote em pontos estratégicos do terreno, para atrair cupins – é uma isca ótima.

FORRAÇÃO PARA O FUNDO DE VASOS – Não jogue fora os vasinhos de cerâmica velhos. Quebrados em pedacinhos, eles servem para forrar o fundo de vasos novos. 

FERROADA DE FORMIGA – Há certas espécies que mordem e deixam o ferrão, o que leva à inflamação do local. Amasse duas cabeças de alho, coloque em um algodão e cubra o local com a pasta formada pelo alho amassado. Deixe até que o ferrão saia, o que leva algumas horas. Vai doer um pouco, esquenta, mas o ferrão sai sozinho, além de desinflamar o local. A lógica é a seguinte: o alho provoca um grande calor na pele, concentrado no lugar da mordida, e isso vai abrir o furinho onde está o ferrão, expulsando-o da pele. É tiro e queda!  

MARCADORES PARA SEMENTESVocê chega em casa com sementes para plantar em um vaso ou para colocar no jardim – mas depois esquece o que plantou e onde. Uma boa idéia é utilizar palitos de sorvete, escrevendo nele o nome da plantinha ou da flor. Algumas levam meses para germinar, então acabamos por esquecer mesmo… Encontrei no blog da Thaís Lauton palitos de sorvete customizados, lindos. Para ver basta clicar aqui: http://www.blogcheirodemato.com.br/?p=188#comment-1527

PLANTAS DOENTES – Jamais deixe uma planta doente entre plantas sadias, pois ela vai contaminar as que estão em volta. Por mais que você sinta pena de perder sua planta, é preferível perder uma a perder todas. Se a planta doente estiver na terra e não em vasos, o melhor é arrancá-la e queimá-la para não contaminar outros locais. Trate a terra onde ela estava com um fungicida, revolva bem, dê um espaço de tempo para replantar e mude o tipo de planta.

SEMENTES – Se você comprar sementes de plantas características de um clima frio, antes de plantá-las deixe as sementes na geladeira por 3 a 4 horas. Elas germinarão com maior rapidez.

VASOS PEQUENOS – Se as raízes de suas plantinhas estão saindo pelo furo no fundo do vaso, coloque pedriscos misturados a areia (lavada) no fundo. Reacomode a planta em um vaso maior. Ao replantar, faça-o com boa parte do torrão de terra do vaso menor e acrescente terra nova. Depois misture um pouco a terra antiga com a nova, com cuidado para não quebrar ou cortar raízes. Não use faca para fazer isso, há ferramentas específicas, ou faça com um pedacinho de madeira.  

ADUBO NATURAL – Aqui em casa batemos todos os restinhos de frutas, legumes e verduras no liquidificador com um pouquinho de água e depois jogamos no jardim, assim não ‘chamamos’ formigas, moscas, caramujos e outros bichinhos incomodativos. As plantas têm agradecido bastante, e a terra também !

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: